WEBMAIL
Login: Senha:
Um remédio para a alma humana

Quarta-Feira, 04 de Junho de 2008 (14 anos atrás)
Tamanho do texto: Diminuir fonteAumentar fonte
Pode sediar os Jogos Olímpicos de 2016

Cidade avança para escolha final pela primeira vez. Chicago, Tóquio, Madri serão as concorrentes. Praga, Doha e Baku são cortadas pelo COI

Pela primeira vez após três tentativas a cidade do Rio de Janeiro está na fase final da escolha para a sede das Olimpíadas. O Comitê Olímpico Internacional anunciou agora há pouco, em Atenas, na Grécia, as quatro cidades que permanecem na disputa para os Jogos de 2016 (assista ao vídeo ao lado). Além do Rio, Chicago, Tóquio e Madri continuam no páreo para sediar os Jogos. Doha, (Qatar), Praga (República Tcheca) e Baku (Azerbaijão) foram cortadas. A escolha final da sede será feita no dia 2 de outubro de 2009, em Copenhague, na Dinamarca.

A escolha desta quarta-feira foi puramente técnica. Os dirigentes do COI analisaram os cadernos de encargos enviados pelas cidades, com mapas das instalações, listas dos hotéis, distância dos locais de competição, entre outros itens. A partir daí atribuíram pontos para as candidatas. A idéia é saber quem tem, teoricamente, capacidade para receber os Jogos.

O Rio de Janeiro havia sido, oficialmente, candidato em três outras oportunidades: para os Jogos de 1936, 2004 e 2012. Em nenhuma delas havia passado da primeira triagem. Este ano, no entanto, com o sucesso dos Jogos Pan-Americanos de 2007, e com a boa fase da economia brasileira, a candidatura brasileira ganhou força e, finalmente, passou á fase final da escolha.

Estavam presentes em Atenas o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, o prefeito da cidade, Cesar Maia - que havia antecipado em seu blog a presença do Rio entre as finalistas -, o ministro dos esportes, Orlando Silva Jr. e o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman). Todos vibraram muito com a presença da cidade entre as finalistas.

- Hoje temos que estar felizes da vida. Uma cidade de um país que nunca organizou os Jogos entrar na fase final é um grande feito. Temos que ter o eqilíbrio necessário, pois esta é apenas uma etapa. O que aconteceu hoje foi um reconhecimento do COI ao que o Brasil fez, e também ao povo carioca e aos governos da cidade do Rio de Janeiro, do estado e federal. Mas é, fundamentalmente, uma vitória do esporte brasileiro. Entregar bem a candidatura é uma obrigação que nós temos. Temos que entregar os documentos com as garantias muito bem detalhadas. Os entes públicos e a sociedade têm a obrigação de apresentar as garantias para que tudo corra bem - disse Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB, em entrevista à TV Globo.

Perguntado sobre a razão para o otimismo em conseguir sediar as Olimpíadas de 2016, Nuzman disse que seu sentimento é baseado no planejamento feito há sete anos.

- Em 2001 foi desenhado foi desenhado um projeto que tinha como objetivo realizar os Jogos Pan-Americanos de 2007, que foi conseguido, e as Olimpíadas de 2016. Estamos nesta estrada, e estamos otimistas para alcançar mais este objetivo.

Fonte: G1

  Envie por e-mail            Versão para impressão
 Leia mais


Frase Exata    Todas as palavras 
Desenvolvimento Portal Medianeira - Fone: (45) 3264-6107 - R. Rio Branco, 1270 - Medianeira - PR